Dando gostoso para o primo pirocudo


Meu nome fictício é Taina, tenho 22 anos, 1, 57 dr altura, 63 kg, seios grandes, cabelo enrolado, morena, bumbum grandinho. O nome dele fictício é João, alto, moreno, e com uma pica de 25 cm. A uns 5 anos atrás fui a um pagode onde encontrei com ele, me juntei a ele e os amigos e bebemos, um colega dele pediu para ficar cmg e fomos para um rua ao lado, minutos dps meu primo vem e chama para ir embora e eu sem retrucar fui, fomos conversando e ele disse que me achava uma delícia, estranhei, pq nunca vi maldade nele mas deixei p lá e agradeci, chegando na porta de casa ele me segura pelo braço e fala que era louco por mim e me beijou, um beijo delicioso, molhado e cheio de

tesão, retribui com desejo, logo em seguida o convidei para entrar e levei ele para meu quarto, no quarto ao lado dormia meus pais, ele já veio tirando minha roupa, me jogando na cama e me beijando inteira e eu me entreguei e não contive o tesão, ele me chupou como ninguém e eu gozei, eu chupei ele e ele me chamava de priminha gostosa, falava “chupa a pica do meu priminho” “ta gostando de chupar meu pau ?” E eu só queria saber de chupar aquela pica deliciosa, implorei para ele me comer e ele me colocou de 4 na ponta da cama e foi metendo bem de vagar e eu

pedindo mais e gemendo de tanto tesão, ele agarrou meu cabelo e beijava meu pescoço e eu “me fode, mete essa piroca na minha buceta” que delicia, ele meteu tudinho e foi dando estocadas e eu gemia e chamava ele de pirocudo uns segundos depois pedir para sentar na pica dele, ele se deitou e eu cavalguei feito uma égua no cio ele batia na minha bunda e falava que sempre teve vontade de me comer, batia na minha cara e me chamava de vagabunda, puta, tudo que eu adoro ouvir, ele me beijava e chupava meu peito, que delicia de piroca, eu gemia dms, e falava que queria aquela pica para sempre e logo gozamos juntos. Desde então nunca mais paramos de transar mesmo casados sempre damos um jeito

Deixe um comentário

CAPTCHA



Online porn video at mobile phone